sexta-feira, maio 19, 2006

Oração aos jovens

É claro que você deve ter a coragem das suas convicções e enfrentar as coisas cara a cara e -

[Desde que :

  • não vá contra seus próprios e inerradicáveis interesses
  • respeite fundamente a sua família
  • observe a verdade não pode estar toda do seu lado e que o outro lado também tem sua parcela
  • suas idéias sejam sempre sadias e patrióticas
  • você observe à risca os estatutos vigentes, os decálogos em curso, as apostilas recomendadas, as orientações gerais sobre aquilo em que é permitido opinar, as bases do que é respeitável moral e civicamente, os exemplos de cima, até onde se pode chegar dentro do sistema (...)
  • jamais desrespeite as bases em que estão assentados os nossos princípios de povo e nação, assim como nossos usos e costumes ]

- exteriorizar toda a sua convicção e dizer tudo o que pensa, contar tudo o que sabe, com coragem e destemor, doa a quem doer. Você deve apenas tomar o cuidado, que acreditamos perfeitamente válido, de declarar, antes de mais nada, a fim de não ferir susceptibilidades, que qualquer semelhança é mera coincidência.

Millôr Fernandes (com adaptações)


Texto tirado de minha mais recente aquisição: MUITO bom e barato -> PERFEITO!

(Sugestão de frase final: by Paulo)

1 comentário:

Jackie disse...

Nossa q legal!!!
Ei, eu quero fazer um curso para escritores na Unisinos!!!!!!!! E aí??????? Ai, ai...rsrs